ET DOS ROBALOS Á BÓIA

ET DOS ROBALOS Á BÓIA
SEMPRE Á PROCURA DO GRANDE EXEMPLAR

terça-feira, outubro 25

A paixao pela pesca

Boas pessoal
A paixao pela pesca não é de  agora, tinha uns dez anos vivia isolado perto de uma vila Aveiras de Cima tinha um vizinho que tinha uma quinta com uma grande lago cheia de peixe  mas nao deixava ninguém lá pescar...
Eu como era traquina saltava a rede e passava lá o meu tempo livre...
 o tempo a ali voava, apanhava minhocas do estrume, tinha uma cana selvagem com uns metros de seda, e ja pescava à boia com o invólucro dos ovos kinder :)
abria a bola e metia o fio lá no meio, fazia grande capturas barbos, carpas, peixes vermelhos e enguias.
Aos fins de semana a pesca era diferente ia com o meu pai pescar para o tejo, passavamos para ilhas com a maré vazia, onde ía morrendo afugado por duas vezes  mas como tenho 7 vidas como os gatos não foi dessa! :)
Aos 16 anos mudei me para perto desta terra maravilhosa Nazaré onde podia ver o mar quase todos os dias...
Fins de semana com o cota o com amigos lá ia eu para a pesca!
Depois ouve uma fase que a pesca era outra "meixão" enguias bebés durante alguns anos.
Depois voltou o vicio outra vez, pesca a cana ao fundo era todos os dias mais tarde comprei uma cana de bóia e logo nos primeiros disparos tive excelentes  resultados apartir daí nunca mais parei o vício foi crescendo e o amor pela pesca é enorme....
Hoje em dia à menos peixes mas à mais amigos que partilham o mesmo vício de pescar e sentir "aquele" peixe que sonhamos capturar ( o maior de todos) ...
E aqui vou continuar a partilhar as minhas aventuras com  vocês ET DOS ROBALOS A BÓIA...

Abraço e bons disparos



Sem comentários:

Enviar um comentário